HORA DE LUTAR PARA MANTER O SERVIÇO SOCIAL NO INSS

Todo trabalhador perde com a extinção

13/11/2019 15h:46

Para tanto, o Serviço Social no INSS desempenha esse papel, esclarecendo aos usuários os seus direitos previdenciários e sociais e os meus de exercê-los, de forma individual e coletiva, estabelecendo com os cidadãos a solução dos seus problemas na relação com a Previdência Social. Na atual conjuntura vivida dentro do INSS de repasse do atendimento aos canais remotos (telefone e internet), o Serviço Social é um dos últimos espaços de atendimento presencial para a população, em especial para idosos, pessoas com deficiência e pessoas com dificuldade de acesso digital.


No entanto, por meio da publicação da Medida Provisória nº 905, de 11/11/2019, o governo simplesmente extingue esse serviço previdenciário como direito dos cidadãos, fechando mais essa porta de atendimento e tornando ainda mais difícil o acesso das pessoas às informações necessárias para a garantia dos seus direitos.

 

SINDIPREV SERGIPE denuncia a extinção do Serviço Social do INSS E convoca os trabalhadores, de todos os setores, para a luta.





Pedimos o apoio de toda a população, dos profissionais de toda a rede socioassistencial, entidades civis e servidores públicos na luta pela permanência do Serviço Social no INSS enquanto serviço previdenciário e direito de toda a população brasileira. Pela imediata supressão da alínea “a” do inciso XIX do artigo 51 da Medida Provisória nº 905, de 11/11/2019! Assine o abaixo-assinado: http://chng.it/qSrcQ249

 

 

O SINDIPREV SERGIPE NÃO FOGE À LUTA
Gestão: 2017/20
Coordenador Geral: _ Joaquim Antonio_